Plano de Formação

Registado em 2015-04-13 15:18:56. Última alteração a 2017-06-01 14:41:32.

 

A ADDLAP foi acreditada pela DGERT nos domínios do desenvolvimento rural/local, integração nos grupos de trabalho, turismo, ambiente, serviços de limpeza, agricultura e artesanato desde 09 de outubro de 1997.

A formação profissional faz parte da estratégia de intervenção da ADDLAP que pretende ser abrangente dos vários sectores socioeconómicos, promovendo o desenvolvimento sustentado da área de intervenção.

As intervenções formativas a realizar estão relacionadas direta ou indiretamente com os programas em funcionamento, com as especificidades do território e em áreas em que se detetaram necessidades formativas. Pretende-se igualmente que seja complementar à oferta formativa existente no território.

Objetivos

  • Mobilizar, reforçar e aperfeiçoar a iniciativa, a organização e as competências locais;
  • Articular a formação profissional com outros programas e projetos implementados,
  • Qualificação da população da área de intervenção, sobretudo os grupos mais desfavorecidos e vulneráveis, DLD, mulheres, jovens a procura de primeiro emprego;
  • Promover a formação em locais com fracas acessibilidades a escolas profissionais e centros de formação;
  • Realizar formação em meios rurais;
  • Promover formação em áreas complementares às existentes.

População alvo a que se dirigem as intervenções

Com o objetivo de permitir uma maior flexibilidade e um aumento das competências da mão-de-obra existente, na área de intervenção, as nossas ações, intervenções e projetos dirigem-se, essencialmente, à população em meio rural, uma população específica e diferenciada. Prevemos também a realização de ações de formação a população urbana desde que haja um relacionamento com os recursos existentes no território ou em áreas que não existe oferta formativa e que crie sinergias entre os dois espaços.

 

 
A ADDLAP encontra-se certificada como entidade formadora, no âmbito do disposto na Portaria nº 851/2010, de 6 de Setembro, alterada e republicada pela Portaria nº 208/2013, de 26 de Junho, nas seguintes áreas de educação e formação:
  • 341 – Comércio
  • 344 – Contabilidade e fiscalidade
  • 346 – Secretariado e trabalho administrativo
  • 481 – Ciências Informáticas
  • 541 – Indústrias Alimentares
  • 621 – Produção agrícola e animal
  • 811 – Hotelaria e restauração
  • 812 – Turismo e Lazer